Maria da Penha estará na UniFG de Jaboatão nesta quarta

51
0
COMPARTILHAR

Maria da Penha, a mulher que inspirou a lei que pune violência contra a mulher
Nesta quarta-feira (7), Maria da Penha, presidente do Instituto Maria da Penha, que defende o combate à violência contra a mulher no País, participa da entrega dos certificados aos concluintes da turma das Defensoras e Defensores dos Direitos à Cidadania na UniFG – integrante da rede internacional de universidades Laureate. A entrega ocorrerá às 10h, no campus Piedade do centro universitário.

Trata-se de uma iniciativa da UniFG em parceria com o Instituto Maria da Penha e Consulado Geral dos Estados Unidos no Recife – que prepara uma rede de voluntários multiplicadores na sociedade com a intenção de conscientizar a população para defesa e direitos da cidadania.

Esta será a sexta turma e, ao todo, já são mais de 60 voluntários formados em Direitos Humanos, com ênfase no enfrentamento à violência contra a mulher. O encontro contará também com a presença da delegada Gleide Ângelo, conhecida por comandar investigações de casos importantes no estado.

Quem é

A farmacêutica cearense Maria da Penha Maia Fernandes é o marco recente mais importante da história das lutas feministas brasileiras.

Em 1983, enquanto dormia, recebeu um tiro do então marido, Marco Antônio Heredia Viveiros, que a deixou paraplégica. Depois de se recuperar, foi mantida em cárcere privado, sofreu outras agressões e nova tentativa de assassinato, também pelo marido, por eletrocução. Procurou a Justiça e conseguiu deixar a casa, com as três filhas.

Depois de um longo processo de luta, em 2006, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a Lei nº 11.340, conhecida por Lei Maria da Penha, que coíbe a violência doméstica contra mulheres.

SEM COMENTÁRIOS