Passagem Recife-Madrid começa a ser vendida por US$ 629

31
0
COMPARTILHAR

Paulo Câmara e os voos Recife-Madrid: vale a pena investir em Pernambuco (Foto: Luiz Fabiano/Divulgação)
As passagens para o novo voo Recife-Madri, que terá início no próximo dia 20 de dezembro, começaram a ser vendidas nesta quinta-feira (14). Serão duas tarifas de lançamento: US$ 629 (passagem de ida e volta, sem direito a mala e sem as taxas referentes) e US$ 709 (passagem de ida e volta, com mala e também sem as taxas). A aeronave, cuja capacidade é para 299 pessoas, voará às quartas e sextas-feiras.

Diretor geral da Air Europa no Brasil, Enrique Martín-Ambrosio, afirmou que o voo chega para ajudar na missão da companhia aérea de unir Europa e América. “Estamos chegando ao Recife para ficar. Temos a necessidade de voar para o coração do Nordeste. Temos acordo com todas as companhias aéreas brasileiras, o que vai permitir vender esse voo em todas as capitais da região”, assegurou.

“Esta é uma parceria que vai muito além dos voos, pois vai gerar muito emprego, renda e negócios. O lançamento desse voo mostra que Pernambuco pode dar o retorno que as empresas querem em virtude dos nossos atrativos, da nossa forma de fazer negócio e de mostrar as oportunidades com muita transparência. Estamos fazendo uma parceria com um dos maiores grupos de turismo do mundo. Tudo isso demonstra, mais uma vez, que investir em Pernambuco vale a pena”, afirmou o governador Paulo Câmara.

GANHE O MUNDO
–

Além de fortalecer o turismo do Estado, a parceria entre o Governo de Pernambuco e o grupo espanhol Globalia também irá beneficiar a Rede Estadual de Educação. O Programa Ganhe o Mundo, que envia mil estudantes do Ensino Médio por ano para a realização de intercâmbio em países de língua inglesa e espanhola, terá o número de vagas ampliado. Isso porque a companhia aérea Air Europa ofertará, a partir de 2018, passagens aéreas para os estudantes intercambistas do PGM com destino à Espanha.

“Segundo o governador Paulo Câmara, haverá também um programa de formação de professores e apoio para criação e desenvolvimento de novos cursos para os estudantes das escolas técnicas estaduais, a exemplo do Técnico em Guia de Turismo e do Técnico em Hospedagem. Os cursos fortalecerão tanto a educação como o turismo local do Estado, além de abrir novas oportunidades profissionais para os estudantes da rede estadual.

O grupo enviará mais 50 passagens por ano pra os estudantes”, afirmou o gestor, detalhando que, atualmente, 25 bilhetes aéreos são viabilizados. “O número de estudantes que vão à Espanha vai triplicar, consequentemente, vamos passar a ofertar mais vagas de curso de espanhol”, acrescentou Fred.

SEM COMENTÁRIOS