Preso em São Paulo irmão de Joesley, o outro dono da JBS

31
0
COMPARTILHAR

Wesley Batista. Foto: Werther Santana/Estadão)
A Polícia Federal prendeu temporariamente nesta quarta-feira, 13, o empresário Wesley Batista. Há uma ordem de prisão contra o empresário Joesley Batista, irmão de Wesley, donos da J&F.

Os executivos são investigados em inquérito sobre manipulação do mercado financeiro, referente ao suposto lucro obtido com a venda de dólares às vésperas da divulgação da delação premiada dos executivos da J&F.

As ordens de prisão são da 6 Vara Federal Criminal de São Paulo. No Pedido de prisão da Polícia Federal diz que ‘há provas que os irmãos agiram pesdoalmente para manipular ações do grupo no mercado’.

Em junho deste ano, a Operação Tendão de Aquiles, ação da PF coordenada com a Comissão de Valores Mobiliários, mirou o uso indevido de informações privilegiadas por parte das empresas JBS S/A/ e FB Participações S/A em transações de mercado financeiro ocorridas entre abril e maio de 2017.

O inquérito havia sido aberto em 19 de maio a partir do Comunicado ao Mercado 02/2017 da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) que tornou pública a abertura de cinco processos administrativos para apuração de transações que teriam assegurado ao grupo ganhos milionários da noite para o dia no mercado financeiro.

As informações são do Estadão.

SEM COMENTÁRIOS

COMENTE ESTA NOTÍCIA