Violência em PE chega à Igreja e cancela romaria de Frei Damião

43
0
COMPARTILHAR

Romaria de Frei Dammião em São Joaquim do Monte, no ano passado. Festa cancelada este ano. (Foto: A Notícia/Altinho)
A violência em Pernambuco – que ostenta uma média de 500 assassinatos por mês, saiu das ruas e entrou nas igrejas, provocando o cancelamento da tradicional romaria de Frei Damião, em São Joaquim do Monte, no Agreste do Estado, distante 150 quilômetros do Recife. O cancelamento foi anunciado pela Diocese de Caruaru, responsável pela paróquia de São Joaquim e pegou os moradores de surpresa.

Enquanto a gente comum lamenta a suspensão dos atos de fé, comerciantes contabilizam os prejuízos como cancelamento da romaria que costuma atrair milhares de romeiros para o município. Além da violência, a Diocese de Caruaru apontou também as péssimas condições da estrada que dá acesso ao município, cujos buracos além de provocarem acidentes contribuem para a ação de bandidos no ataque a veículos em baixa velocidade.

O comerciante Sandro Cabral dos Santos, que há mais de 20 anos vende refeições para os romeiros durante a festa, lamenta o cancelamento da romaria. “O ganha pão da gente era a romaria. Se vai fechar agora para o comércio, o que é que eu vou fazer?”.

No mês passado, quatro pessoas morreram e oito ficaram feridas durante tentativa de assalto ao centro espírita GEAP (Grupo Espírita Amor ao Próximo) no bairro de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes. Entre os mortos estavam um policial militar, uma mulher e dois suspeitos de participação no frustrado assalto. Outro suspeito foi preso no local.

Assalto à casa paroquial

Padre Ironildo: assalto e agressão na casa paroquial (Foto: A Notícia/Altinho)
Nessa segunda-feira (07), a casa paroquial de Lagoa dos Gatos, também no Agreste de Pernambuco e distante 180 quilômetros do Recife, foi assaltada em plena luz do dia por cinco homens armados que chegaram em um carro anunciando o assalto. Além de espancarem o pároco e um seminarista que se encontravam no local, os bandidos roubaram R$ 8.000, um relógio e um notebook. Eles fugiram trocando tiros com a Polícia.

SEM COMENTÁRIOS