Belo Jardim ganha quadra poli-esportiva para 1.200 alunos

99
0
COMPARTILHAR

O ministro Mendonça Filho inaugura quadra, visita obras e assina autorização de novas licitações em Belo Jardim (Foto: Luís Fortes/MEC)
O ministro da educação, Mendonça Filho, esteve em Belo Jardim, neste sábado (22), para inaugurar mais uma obra e autorizar licitações. Ao todo serão mais de R$ 4 milhões em obras. Desta vez, o ministro inaugurou a quadra com Palco da Escola Municipal Doutor Sebastião Cabral, na Cohab I. Orçada em R$ 445 mil ela vai beneficiar os 1.210 alunos, além da comunidade acadêmica que esperava por este equipamento desde 2014, quando a obra foi iniciada. “Nós temos espalhado por Belo Jardim várias obras, tanto tocadas pelo município, como tocadas pelo estado. Estamos empreendendo ações para que a população belo-jardinense possa ter uma educação de melhor qualidade”, disse o ministro.

De acordo com Mendonça Filho, a preocupação em firmar parcerias com municípios para o andamento de obras, especialmente no interior, mostra o compromisso do governo federal com uma educação pública de qualidade. “Temos milhares de obras sendo tocadas no Brasil em parceria com estados e municípios, o que significa a melhoria da infraestrutura educacional. Um ambiente escolar adequado, uma creche escolar bem construída é conforto para a criança e proteção”. Em seu discurso, o ministro citou outras ações de apoio aos municípios como o reajuste, em 20%, do repasse para merenda escolar e a antecipação dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais de Educação (Fundeb), permitindo o pagamento do piso dos professores.

Alunos da escola Doutor Sebastião Cabral também acompanharam a inauguração da quadra, entre eles Thiago José Espíndola Bezerra, de 11 anos. “Tem muito jogo de bola e eu gosto muito de jogar. Estou até participando de um campeonato. Está surgindo uma escola melhor. Aqui a gente se diverte, joga bola, faz futsal, vôlei…”, disse Thiago. Atualmente ele cursa o 6º ano.

Durante a inauguração foi assinada, ainda, a autorização das novas licitações de outras três obras na cidade, a da Creche Paulo Guerra, no bairro Boa Vista; da Creche da Cohab III e a da construção da quadra da Escola Municipal Manoel Teodoro de Arruda, no Distrito de Serra dos Ventos. A Creche Paulo Guerra terá capacidade de atender até 120 crianças, em dois turnos (matutino e vespertino), ou 60 crianças em período integral. A obra conta com 70% do valor pago. Orçada em R$ 667 mil, encontra-se em 64 % de execução e o contrato com a empresa que executava a obra estava vencido. Como a empresa não manifestou interesse em prorrogar o contrato, uma nova licitação será feita para que a creche seja concluída.

Já a Creche da Cohab III, orçada em R$ 2,4 milhões e com capacidade para atender 376 crianças, em dois turnos (matutino e vespertino), ou 188 crianças em período integral, ainda não teve a obra iniciada e a licitação deve ocorrer em setembro deste ano. A unidade vai contar com salas de atividades, fraldários/depósitos, amamentação, sala multiuso, copa, lavanderia e rouparia, depósito de material de limpeza, vestiários, cozinha, refeitório e despensa, varanda e pátio de serviços, sanitários infantis e de professores, sanitários acessíveis, solários.

Para o distrito de Serra dos Ventos, o ministro assinou a autorização de licitação da obra de construção da quadra da Escola Manoel Teodoro de Arruda. A obra, que beneficia os cerca de 620 alunos da unidade, além de todo o distrito, está orçada em R$510.000,00. “A (quadra da creche) em Serra do Vento estava paralisada, sem solução. Nós readequamos o projeto junto ao FNDE e agora esta quadra, tão desejada pela comunidade, vai sair. Nosso compromisso é fazer com que as obras possam sair do papel”, acrescentou Mendonça Filho.

Visita

Antes de inaugurar a quadra, o ministro, acompanhado do prefeito, Gilvandro Estrela , visitou a obra da quadra da Escola Castelinho, no bairro de São Pedro. Os serviços que já estão com mais de 70% de execução devem ser concluídos em pouco tempo. Ao todo, foram investidos R$ 497.955,72 pelo Fundo Nacional da Educação e desse valor, 70% já foi repassado. A obra beneficia atende 987 estudantes da Pré-escola, do Ensino Fundamental e da Educação de Jovens e Adultos.

SEM COMENTÁRIOS