Embarque para Fernando de Noronha: teste negativo de Covid-19 não é mais exigido

Embarque para Fernando de Noronha tinha exigência do teste desde 10 de outubro de 2020

A partir de hoje (15), o exame negativo para a Covid-19 não será mais exigido dos visitantes e moradores no momento do embarque para a ilha de Fernando de Noronha, em Pernambuco. O destino de turismo fazia tal exigência desde 10 de outubro de 2020, quando um decreto entrou em vigor.

Embarque para Fernando de Noronha

Entretanto, mesmo com a dispensa do exame negativo, segue obrigatória a apresentação da carteira digital de vacinação, com pelo menos duas doses da vacina. Além disso, para pessoas de 55 anos ou mais, também é necessária a comprovação da dose de reforço.

O embarque para Fernando de Noronha também exigirá ao menos uma dose da vacina para adolescentes de 12 a 17 anos. Já para crianças até 11 anos, não é necessário apresentar carteira de vacinação.

De caordo com o superintendente em Saúde da ilha, Fernando Magalhães:

“À medida em que houver novos avanços na vacinação contra a Covid no país, passará a ser exigido o esquema vacinal completo também para os menores de 18 anos. É uma proteção a mais, tanto para quem visita, quanto para quem vive em Noronha.”

Na hora da saída

Por outro lado, a testagem dos visitantes na saída de Fernando de Noronha será mantida. Porém, de maneira reduzida. Neste caso, em vez de 30% dos passageiros sorteados para o exame, agora serão 20%. 

Conforme administração da ilha, Fernando de Noronha possui 100% de sua população adulta vacinada com pelo menos duas doses. A administração informa ainda que monitora, junto à Secretaria de Saúde do Estado, a imunidade dos moradores e que iniciará, na próxima semana, uma nova fase do estudo epidemiológico no local.

Por fim, vale lembrar que desde o começo da pandemia, Noronha soma 364 casos de Covid-19. A primeira confirmação foi em 27 de março de 2020, e duas mortes pela doença.

*Foto: Reprodução